Social

A Sondotécnica se empenha em oferecer sustentabilidade e desenvolver boas práticas junto aos seus clientes e serviços.

E isso engloba desde a melhoria no ambiente de trabalho, o investimento em tecnologias que colaboram para o desenvolvimento de projetos mais sustentáveis, o cuidado com a nossa marca perante a sociedade e, consequentemente, mais ações sociais.

Temos consciência que pessoas colaboradoras, clientes e investidores, cada vez mais, exigem empresas que não visem somente o lucro, mas que contribuam para mudanças sociais efetivas. Neste sentido, realizamos ações de responsabilidade social por meio de incentivos a projetos sociais, doações próprias e campanhas internas.

Acreditamos que, assim, estamos contribuindo para construir um mundo melhor.

Conheça os projetos incentivados pela Sondotécnica:

Entre as entidades com as quais colaboramos estão:

– Projeto Diagnosticar para Incluir

Coordenado pelo Instituto Jô Clemente, de São Paulo, este projeto tem como objetivo oferecer o serviço de referência em diagnóstico para mais de 3 mil crianças e adolescentes com suspeita da deficiência intelectual em situação de vulnerabilidade social em São Paulo.

Conheça mais sobre o Instituto Jô Clemente https://www.ijc.org.br/

– Centro de Estudos e Cultura Midrash

O Midrash Centro Cultural pertence a Congregação Judaica do Brasil que institucionalmente está filiada tanto ao World Council of Synagogues do Movimento Conservador como ao Network of Jewish Renewal Communities.

As atividades ocorrem nas diferentes áreas do fazer, sentir, pensar e ser, em busca de sentido e aperfeiçoamento.

Cursos, palestras, grupos de estudo, eventos musicais e artísticos, além de cursos regulares de idiomas e judaísmo, oficinas para as crianças e práticas espirituais.

Conheça mais sobre o Midrash Centro Cultural https://www.midrash.org.br/

– Instituto Reação

O Instituto Reação é uma Organização da Sociedade Civil que promove o desenvolvimento humano e a integração social por meio do esporte e da educação, fomentando o judô desde a iniciação esportiva até o alto rendimento. A proposta é utilizar o esporte como instrumento educacional e de transformação social, formando faixas pretas dentro e fora do tatame.

Através da metodologia de valores “O Caminho”, o Reação busca despertar o potencial dos seus alunos e famílias, visando superar desigualdades sociais.

Conheça mais sobre o Instituto Reação http://www.institutoreacao.org.br/

– Mano Down

Mano Down é uma instituição sem fins lucrativos que tem como meta promover a inclusão e a autonomia de pessoas com síndrome de Down e outras deficiências intelectuais.

A proposta do Instituto é promover o desenvolvimento potencializado em todo o ciclo de vida da pessoa com T21 – bebês, crianças, jovens, adultos e idosos. http://www.manodown.com.br/

Ambiental

Investimos na conscientização efetiva da sustentabilidade em todos os nossos projetos.

Sistemas de tratamento e reaproveitamento de água e também para eliminar a geração de resíduos, aproveitamento da luz natural aliado a cuidados para usar de forma eficiente a energia elétrica são alguns exemplos práticos que trazem enorme contribuição para o meio ambiente.

Mas uma empresa só não basta, é necessário envolver e engajar toda a cadeia de negócios, auditando e assegurando que todos sigam os critérios da economia verde. Esse processo já acontece com os nossos fornecedores, o que é essencial para consolidar a sustentabilidade como um valor e gerar parcerias por afinidades de propósitos.

Mas é preciso ir além, combinar inovação e sustentabilidade no desenvolvimento de soluções concretas e que atendam às necessidades reais da população. O retorno é o reconhecimento pela preocupação com os pilares econômico, social e ambiental, bem como a reputação positiva que a empresa conquista junto à sociedade.

A chave para o sucesso é ter esse conceito inserido no DNA da empresa, com líderes engajados e cientes das oportunidades que a sustentabilidade pode trazer à Sondotécnica, ao ambiente e à sociedade, garantido a perenidade do negócio e do planeta.

Governança

Responsabilidade Social

 

 

A Sondotécnica tem o prazer de apoiar a Sociedade Beneficente das Damas Israelitas do Rio de Janeiro

MAIS DE 90 ANOS DE TRABALHO SOCIAL

 

Em 1923, um grupo de senhoras fundou a Sociedade Beneficente das Damas Israelitas do Rio de Janeiro – Froien Farain, com a missão de promover justiça social segundo o preceito da tzedaká. De início, elas prestaram assistência aos imigrantes oriundos da Europa, ajudando-os a encontrar moradia e trabalho, além de fornecer-lhes alimentos, roupas e medicamentos. Nove décadas se passaram e as damas continuam amparando os menos favorecidos, em especial os idosos com comprometimento cognitivo-funcional. Hoje, o Froien Farain presta serviços assistenciais,

mantém uma Casa Geriátrica e um Centro de Recuperação para internação temporária. Uma equipe multidisciplinar – composta por médico, enfermeira, psicóloga, assistente social, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, fonoaudióloga, arteterapeuta e musicoterapeuta – provê excelência na atenção aos idosos e interface humanizada com os residentes, suas famílias e o público em geral. Os certificados de utilidade pública – nos níveis municipal, estadual e federal – atestam o reconhecimento da qualidade dos serviços prestados.

Froien Farain

Responsabilidade Social

 

 

A Sondotécnica tem o prazer de apoiar a Associação Beneficente Santa Fé

Em 2022 a Santa Fé completa 29 anos atendendo crianças, adolescentes e suas famílias, em situação de alta vulnerabilidade social.

A Associação Beneficente Santa Fé inaugurou seu trabalho, articulado com instituições governamentais e não governamentais, em 1º de dezembro de 1993, com a ação Árvore de Natal. Nos 23 dias que se seguiram, crianças e adolescentes que viviam na Praça da Sé, região central de São Paulo, foram convidados a participar de diversas atividades lúdicas. Em média, eram 230 participantes por dia.

O mais impressionante nesta ação foi a significativa resposta dos participantes, observada na qualidade dos trabalhos e espetáculos produzidos e no forte desejo que demonstravam em construir novas perspectivas de vida. A maioria dessas crianças e adolescentes já tinha passado por outras instituições sociais sem se fixarem a nenhuma delas.

Diante destes resultados e com a firme decisão de manter os vínculos estabelecidos com os participantes da ação Árvore de Natal, uma equipe de técnicos e educadores entrou em contato com 115 dessas crianças e adolescentes, oferecendo-lhes uma nova perspectiva de vida através da Escola Ambulante, o primeiro projeto da Santa Fé realizado em fevereiro de 1994.

Santa Fé